por: Viagem e Gastronomia Viagem e Gastronomia

Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Projeto faz tour gratuito de bicicleta por São Paulo; veja como participar

    Desde 2013, passeio criado por dois irmãos apresenta importantes pontos turísticos da capital, da Paulista ao Museu da Língua Portuguesa

    Um dos pontos de parada do projeto da Bike Tour SP é o MASP, na Avenida Paulista
    Um dos pontos de parada do projeto da Bike Tour SP é o MASP, na Avenida Paulista Foto: divulgação

    CNN Viagem & Gastronomiado Viagem & Gastronomia

    São Paulo

    Ouvir notícia

    Não é difícil encontrar pela Avenida Paulista ou pelo centro de São Paulo um grupo de bikers todo enfileirado, devidamente caracterizado com coletes e protegido por capacetes, normalmente aos sábados e domingos. Liderando essa turma, monitores com alto-falantes dão verdadeiras aulas sobre os pontos mais conhecidos da capital.

    Caso já tenha ficado curioso com a cena para saber do que se trata – ou o que fazer para participar -, CNN entrega: o nome do projeto é “Conheça São Paulo Pedalando”, da empresa Bike Tour SP, dos irmãos Daniel e André Moral.

    Gratuitos, os passeios acontecem desde 2013 e têm como único requisito a doação de 2kg de alimento, que são destinados para duas ONGs: o Núcleo Assistencial Bezerra de Menezes (NABEM) e o Missão Cena, que cuida de pessoas em situação de vulnerabilidade da região da Cracolândia.

    Desde o início, o projeto já levou mais de 70 mil pessoas para conhecer a cidade e arrecadou quase 100 toneladas de alimentos.

    Antes realizado em seis rotas – entre elas, Vila Madalena e Parque do Ibirapuera – hoje, com a pandemia e perda de alguns patrocinadores, opera em duas: Avenida Paulista e Centro Novo da cidade.

    Enquanto o primeiro dura por volta de 1h30 e passa por pontos como MASP, Gazeta e Conjunto Nacional, o segundo tem duração de 2 horas e faz um circuito passando pelo Theatro Municipal e Copan até chegar ao Museu da Língua Portuguesa.

    Enquanto pedalam, os ciclistas escutam por uma caixa de som as informações mais importantes daqueles pontos em áudios guiados, complementadas pelos monitores. Há opção em português, inglês e espanhol, no centro, e nos dois primeiros, na Paulista. A tradução em libras aos que portam essa necessidade também está disponível.

    Wesley Alves, coordenador do Bike Tour SP, está na empresa desde 2014 e viu de perto sua expansão. Para ele, o melhor do tour é conhecer a cidade com o olhar do paulistano.

    “Não é apenas um passeio de bicicleta, mas sim um passeio cultural. Vemos detalhes, que mesmo quem mora por aqui há muito tempo não repara. São trajetos tranquilos, guiados por nossos monitores. 90% deles são feitos em ciclofaixas. Todas as bicicletas são higienizadas, assim como os acessórios. Então, é só chegar aos nossos pontos de encontro e aproveitar”, enfatiza.

    Na rota do “Centro Novo”, os grupos passam pelo emblemático Teatro Municipal / Foto: divulgação

    Quem preferir, dá até para escolher um triciclo – há apenas uma unidade e é ideal para famílias com crianças pequenas. Aos portadores de necessidades especiais ou com mobilidade reduzida, trenzinhos em ambos os trajetos, dirigidos por funcionários, são disponibilizados. E há também bicicletas com cadeirinhas disponíveis.

    Para garantir sua vaga, é necessário entrar no site do projeto e escolher qual rota fará. O passeio da Avenida Paulista acontece aos domingos em quatro horários: 9h,10h30, 2h e 13h30. Já os do Centro Novo são feitos aos sábados, às 9h, 11h, 12h e 15h.

    “Nosso maior objetivo é voltar com todas nossas rotas no ano que vem. Estamos em busca de novos patrocinadores e parceiros para fazer com que ainda mais pessoas conheçam São Paulo de uma forma diferente: pedalando e ajudando quem precisa”, finaliza Wesley.

    A Pinacoteca é outro ponto de parada do projeto “Conheça São Paulo Pedalando”, da empresa Bike Tour SP / Foto: divulgação

    Mais Recentes da CNN