por: Viagem e Gastronomia Viagem e Gastronomia

Onde ficar em Barreirinhas e Atins, nos Lençóis Maranhenses

Locais possuem hotéis e pousadas que oferecem estadias tranquilas e boas experiências aos turistas

Ouvir notícia
Área comum com piscinas e jardim do Atins Charmes Chalés, na vila de Atins (Foto: divulgação/Atins Charme Chalés)

Para além de Santo Amaro do Maranhão, Barreirinhas é o principal e mais conhecido portal de entrada para as belezas naturais dos Lençóis Maranhenses. A cidade de cerca de 60 mil habitantes concentra agências de turismo, comércio, restaurantes e estrutura hoteleira, que oferecem um mergulho pelos sabores e atrações regionais.

E, além da base principal, a charmosa vila de Atins tem se consolidado também como um destino incrível para aqueles que querem se conectar à natureza e às maravilhas dos Lençóis. O pequeno vilarejo, que possui ruas de areia, pertence ao município de Barreirinhas e oferece pousadas íntimas aos visitantes.

Um dos caminhos para se chegar a Atins é de barco pelo rio Preguiças. A vida simples, pequenas ruas, casas rústicas, vegetação rasteira e coqueiros ditam o tom do local. Por isso, não espere grandes resorts no vilarejo, mas, sim, acomodações que aliam a experiência dos Lençóis com a natureza local. A seguir, confira dicas de onde se hospedar em Barreirinhas e em Atins:

Leia mais
Saiba tudo sobre os Lençóis Maranhenses
CNN Viagem&Gastronomia: assista a todos os programas comandados por Daniela Filomeno
Conheça os Lençóis Maranhenses, maior campo de dunas da América do Sul

Lençóis Maranhenses: desbravando a tímida e fascinante Santo Amaro do Maranhão
Onde comer em Barreirinhas e Atins, nos Lençóis Maranhenses

Barreirinhas

Porto Preguiças Resort

Piscina porto preguicas resort barreirinhas
Piscina com palmeiras e área comum do Porto Preguiças (Foto: divulgação/Porto Preguiças)

Distante cerca de 2 km do centro, o Porto Preguiças Resort é uma opção confortável de hospedagem em Barreirinhas. São 44 quartos, divididos entre apartamentos e chalés espaçosos. Dono de um estilo rústico-contemporâneo e fazendo jus ao “resort” do nome, o hotel conta com quadras poliesportivas, espaços para crianças e três piscinas – uma delas com água do rio Preguiças, que passa no fundo do terreno.

O hotel oferece ainda equipamentos para atividades náuticas, capela para cerimônias e salão para eventos. O restaurante, de cardápio variado, onde é servido o café da manhã, incluso na diária, funciona também para almoço e jantar.
Rua Estrada do Carnaubal, s/n. WhatsApp: (98) 98787-2002

Pousada Encantes do Nordeste

chales encantes do nordeste em barreirinhas
Chalé da Encantes do Nordeste em meio a um frondoso jardim (Foto: divulgação/site/Encantes do Nordeste)

A Encantes do Nordeste é outra opção de hospedagem fora do centro, mas com uma pegada mais íntima de pousada. Seus chalés se dividem em duas categorias: standard e eco chalés, estes um pouco mais reservados e cercados por jardins. Todos contam com varanda com redes.

Os hóspedes têm acesso ainda a uma piscina e uma prainha particular no rio Preguiças. Para as crianças, o parquinho Kaya N’Gan Daya é diversão garantida. O restaurante da pousada é o Bambaê, aberto também a não-hóspedes.
Estrada da Boa Vista, s/n. Tel: (98) 96890-6060 / 98857-4425

Pousada Orla Náutica

pousada orla nautica barreirinhas
Chalés coloridos da Orla Náutica em Barreirinhas (Foto: CNN Viagem & Gastronomia)

Pousada Orla Náutica fica às margens do rio Preguiças e tem poucos quartos, instalados em chalés independentes e coloridos, que se enfileiram em frente à pequena piscina. A área da recepção e do restaurante chama a atenção pela decoração rústica e o destaque fica por conta do espaço na beira do rio, com uma prainha, espreguiçadeiras sob as árvores e uma marina exclusiva para excursões e atividades fluviais.
Rua Sítio Cantinho, 1, Estr. do Carnaubal. Tel: (98) 99132-8558.

Atins

Charme Chalés

Chale do Atins Charme Chales
Bangalô em madeira e telhado da fibra de buriti da pousada (Foto: divulgação/Atins Charme Chalés)

O Atins Charme Chalés é um empreendimento novo no povoado, que foi concebido por donos paulistas. Sua estrutura é formada por vários bangalôs, todos construídos em madeira e telhados feitos a partir do buriti, palmeira abundante na região que é utilizada por inteira, incluindo seu fruto, muito consumido em várias receitas por ali. Os chalés são espaçosos, a decoração foi feita por artesãos locais e o wi-fi funciona bem.

O serviço é caprichado e a gastronomia é outro ponto de destaque. Do bar saem drinks refrescantes que podem ser apreciados à beira de uma das duas piscinas nas noites quentes, e o restaurante prepara carnes, massas, peixes e sobremesas de maneira apetitosa, aberto também a não-hóspedes.

Toda área comum é gramada, com jardins serpenteando as acomodações. A pousada ainda conta com um mirante, que garante uma visão privilegiada ao lindo pôr do sol do vilarejo.
Rua da Alegria, s/n. Tel: (98) 99180-5744.

Vila Aty

Dani Filomeno na Vila Aty, em atins
Daniela Filomeno nos jardins da Vila Aty (Foto: CNN Viagem & Gastronomia)

Vila Aty fica próxima a Praia de Atins e garante silêncio aos hóspedes, prometendo uma conexão profunda com a natureza. As acomodações são dispostas em suítes, divididas em três categorias: Luxo Superior, Luxo Térreo e Suíte Superior, todas amplas e bem ventiladas, com detalhes e móveis em madeira.

A Vila possui uma agência em seu interior, que auxilia os hóspedes nos passeios pela região, e oferece algumas experiências, como jantares especiais, churrasco gourmet, massagens e yoga. Há um cajueiro nos jardins do local, em que o café da manhã é servido aos pés da árvore frutífera.

A gastronomia, inclusive, é ótima por ali. Há um bar, que serve drinks com frutas regionais e outros coquetéis clássicos, assim como um restaurante, que prepara diversas opções da cozinha contemporânea e privilegia pratos da culinária maranhense.
Rua Principal, s/n. Reservas: (98) 98535-8100.

La Ferme des George

la ferme de georges
Piscina da pousada de luxo La Ferme des Georges (Foto: reprodução/site)

A La Ferme des Georges é voltada para o turismo de luxo, com instalações que privilegiam o ambiente natural dos Lençóis. Os quartos não possuem ar-condicionado e é a brisa natural que refresca os hóspedes. As acomodações são divididas em chalés de madeira, tijolo e palha, separadas por vegetação, e a piscina é sombreada por cajueiros.

A gastronomia também é destaque: o restaurante dedica-se a servir pratos da culinária brasileira, como a moqueca com camarão da malásia, arroz de cuxá, pirão, farofa com dendê e coco. Dica: fique atento com os pernilongos e pererecas, abundantes no entorno.
Rua Principal, s/n. Tel: (98) 9113-8196.


Mais Recentes da CNN