por: Viagem e Gastronomia Viagem e Gastronomia

Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    De Van Gogh a Portinari: exposições imersivas para “mergulhar” em São Paulo

    Com projeções tecnológicas e recursos multimídia, três exposições de importantes nomes das artes e das ciências desembarcam na capital paulista no mês de março; coloque na agenda

    "Portinari para todos" no MIS Experience
    "Portinari para todos" no MIS Experience Divulgação/Agência Galo

    Saulo Tafarelodo Viagem & Gastronomia

    São Paulo

    Ouvir notícia

    Projeções, luzes, formas, cores e sons. Esses são alguns dos aspectos sensoriais que preenchem a programação artística e cultural de São Paulo em março, mês em que três importantes exposições imersivas desembarcaram na cidade e têm levado os visitantes a “mergulhar” em diferentes obras e pensamentos.

    Mostras do pintor holandês Van Gogh, do artista brasileiro Portinari e do biólogo britânico Charles Darwin aterrissaram na capital paulista e possuem traços em comum: além de focarem na vida e no conjunto da obra de importantes nomes do campo das artes e das ciências, os espaços culturais dão lugar a verdadeiras experiências interativas.

    Por meio de tecnologias de projeção e recursos audiovisuais, as mostras transportam os visitantes para dentro de telas e da história de cada personalidade, e colocam os indivíduos dentro de uma ambientação única.

    E boa notícia: elas são ideais para serem curtidas também ao lado das crianças, além de serem altamente instagramáveis. Assim, planeje-se com antecedência e compre os ingressos virtualmente para não enfrentar filas ou imprevistos – para se ter uma ideia, de acordo com a administração do MorumbiShopping, mais de 20 mil ingressos foram vendidos antes mesmo da abertura da mostra “Beyond Van Gogh”.

    A seguir, conheça as três exposições imersivas e interativas para conferir em São Paulo:

    Beyond Van Gogh – MorumbiShopping

    Oficialmente aberta nessa quinta-feira, 17 de março, a mostra “Beyond Van Gogh” aterrissou no Brasil após rodar cerca de 25 países e atrair mais de 20 milhões de espectadores mundo afora. O dispositivo artístico é, na verdade, uma experiência: com uso da tecnologia de projeção, o visitante “mergulha” em mais de 300 obras do pintor pós-impressionista holandês.

    Livre de molduras, as obras ganham vida, aparecem e desaparecem e fluem pelas superfícies, como se o espaço se transformasse numa grande tela móvel. As projeções, que envolvem luz, cores e formas, são apresentadas de uma maneira sensorial em um pavilhão de mais de 2 mil m² no shopping da zona sul da cidade.

    Para tanto, são utilizados 30 projetores em uma configuração total de cerca de 332 mil lumens – que determina a intensidade da luz. Junto da imersão nas projeções, a visita é embalada por uma trilha sonora contemporânea que usa os sonhos, pensamentos e palavras do artista – quem quiser uma palhinha pode conferir abaixo a playlist oficial.

    Para celebrar a chegada da exposição, uma série de novidades foram pensadas para complementar a experiência no shopping. É o caso do “Café com Arte”, um café temático que homenageia a Semana de Arte de 1922 com apresentações teatrais. Também há pacotes que podem ser comprados para dois, com direito a drinques, almofadas, vela e pôsteres da exposição, assim como programação pensada para o público infantil, o Van Gogh for kids.

    A partir de 26 de março, uma série de aulas de ioga e de meditação serão oferecidas aos fins de semana antes do horário de abertura da exposição, e as atividades serão feitas em meio às projeções do artista. Os programas extras podem ser conferidos no site oficial de compras.

    Após ficar mais de três meses em São Paulo, é previsto que, em julho, a exposição vá para Brasília. Vale ressaltar que, além das projeções, quadros originais de Van Gogh estão expostos no acervo fixo do MASP, como “Passeio ao crepúsculo” (1889-1890) e “A arlesiana” (1890).

    • Onde? MorumbiShopping – Avenida Roque Petroni Júnior, 1089 – Estacionamento G4 – Jardim das Acácias, São Paulo – SP.
    • Quanto? Entrada de segunda a sexta (diurno) por R$ 70, R$ 35 (meia); de segunda a sexta (noturno) por R$ 90, R$ 45 (meia). Sábado, domingo e feriado por R$ 110 e R$ 55 (meia); pessoas com deficiência pagam R$ 28. Ingressos via site e bilheteria.
    • Horário: Segunda a sábado das 10h às 22h (sessões a cada 20 minutos, com a última entrada sendo às 21h20); domingos das 10h às 19h.
    • Até quando? De 17 de março a 3 de julho.

    Portinari para todos – MIS Experience

    Dividida em três áreas expositivas, a mostra “Portinari para todos” desembarca na capital paulista a tempo das comemorações dos 100 anos da Semana de Arte Moderna de 1922, que integra o calendário oficial do governo paulista. A exposição no MIS Experience revisita de uma maneira totalmente imersiva o conjunto da obra de Portinari, um dos ícones da arte do século 20.

    Com projeções e diferentes recursos audiovisuais, mais de 150 pinturas do artista brasileiro são exibidas nos quatro cantos do espaço expositivo, incluindo as mais famosas, como “Lavrador de café” (1934) e “Guerra e Paz” (1952-1956). Pela extensão do acervo apresentado, a mostra é tratada como a maior exposição já realizada sobre o artista – servindo também para marcar os 60 anos do falecimento de Portinari.

    Assim, por meio da tecnologia, a mostra é uma boa oportunidade para os visitantes – incluindo as crianças – se aproximarem das obras e da vida do artista, com ambientes aliados à tecnologia e possibilitando uma entrada nas pinturas de forma lúdica e divertida.

    Interessante é que o acervo está sob os cuidados do Projeto Portinari, que tem como fundador e coordenador o único filho do artista, João Candido Portinari – que participou ativamente do trabalho expositivo. Com vontade de ver uma obra original de Portinari diante de seus olhos? Vale lembrar que o acervo fixo do MASP expõe uma série de obras do artista brasileiro.

    • Onde? MIS Experience – Rua Vladimir Herzog, 75 – Água Branca, São Paulo – SP.
    • Quanto? Entrada gratuita às terças-feiras; quarta a sexta R$ 30 e R$ 15 (meia); sábado, domingo e feriados R$ 45 e R$ 22,50 (meia). Ingressos via site e bilheteria.
    • Horário: Terça a sexta-feira e domingo das 10h às 17h; sábados e feriados das 10h às 18h.
    • Até quando? De 5 de março 10 de julho.

    Darwin, o original – Sesc Interlagos

    Uma verdadeira viagem imersiva e interativa pelas ideias revolucionárias e as reviravoltas científicas que Charles Darwin ajudou a criar ao elaborar a teoria da evolução das espécies está em cartaz numa área de 700 m² no Sesc Interlagos. O espaço cultural na zona sul de São Paulo exibe até o fim do ano “Darwin, o original”, mostra inédita trazida diretamente da França.

    A exposição é como uma jornada multidisciplinar e interativa onde os visitantes acompanham as descobertas do trabalho do naturalista britânico. Os espaços são compostos por filmes de curta duração, dispositivos multimídia, jogos, maquete, linha do tempo, teatros animados e ainda a desconstrução de falsas interpretações das ideias de Darwin.

    Todos estes aparatos permitem que os visitantes entrem em contato com referências culturais, intelectuais e históricas da sociedade da época do século 19, em que o cientista viveu, além de elementos cronológicos de sua vida familiar.

    Entre os destaques da mostra está uma maquete do navio HMS Beagle, em que Darwin viajou pelo mundo durante 1.741 dias, e ainda a sala “Uma viagem no tempo pelo Brasil”, criada especialmente para integrar a mostra. No espaço, é possível conhecer eras geológicas do país por meio de fósseis e formação de minerais, além de explorar o século 19 no país e a visita de Darwin por aqui.

    • Onde? Sesc Interlagos – Avenida Manuel Alves Soares, 1100 – Parque Colonial, São Paulo – SP.
    • Quanto? Entrada gratuita.
    • Horário: Quarta-feira a domingo e feriados, das 10h às 16h30.
    • Até quando? De 5 de março a 11 de dezembro.

    Mais Recentes da CNN